Discussão profunda WINDQ20 dia 13/07/20

Daniel Augusto

Daniel Augusto Publicado 14/07/2020 


O dia começou com um gap de alta buscando uma correção de 50% da perna do movimento de baixa de ontem. Além da retração em si, a média de duzentos também qualificava a resistência. A primeira barra do dia fecha na sua máxima, porém com pouco volume e a barra seguinte é uma péssima continuação para os touros. A venda após o fechamento da segunda barra, apesar da VWAP contra a média de 20, é um trade com excelente risco/retorno e com uma alta probabilidade. O stop inicial na retração de 61,8% representa 340 pontos e o alvo busca o fundo do canal de ontem ou a mínima do dia anterior (o que significa 100 pontos). Um alvo razoável em trades como esse é buscar duas vezes o risco inicial.

A venda após a barra 8 não é razoável, mesmo sendo parecida com a da barra 2. Aqui o preço havia feito um fundo mais alto em relação ao dia anterior e estava na parte de baixo do canal de alta que vem sendo respeitado durante alguns dias.

A compra após a barra 15 ( trade que eu fiz) é bastante razoável. Rompimento forte dos Touros no topo anterior e da média de 200, bom volume, barra fechando na máxima, média de 20 e VWAP na direção da tendência. O impasse fica por conta do risco inicial: um stop de 950 pontos. Apesar da probabilidade alta do gain, ele fica em torno dos 350 pontos. A compra no fechamento da barra 15 teve uma continuação bem desanimadora para os touros, mas a sequência de dojis com pouco volume não ameaçaram uma reversão. A barra 21 é uma boa reação dos touros e, após 2 horas, o preço alcança o alvo.

Após o breakout dos Touros na barra 23, o preço entra num canal de alta pequeno. Após a formação do canal, é sempre bom prestar atenção nos ursos que estão vendendo após o fechamento de todas as barras dos touros (verdes). Provavelmente o preço vai retrair 50% em pouco tempo. Talvez a abertura de do dia seguinte já seja na retração de 50%.


Voltar ao topo