Média Móvel, um conceito matemático

Marcio Ricardo dos Santos

Marcio Ricardo dos Santos Publicado 24/01/2020 


Bom dia meus amigos, estou na sala a pouco tempo, mas nesse tempo notei que muito se fala que antes das 10.40 a média de 20 "perde" sua validade por conta dos gaps, ok, concordo, afinal é um conceito matemático e um gap, pode sim distorcer os dados, notem eu disse PODE  e não, sempre vai distorcer, e em geral quando ocorre essa distorção ela vai se dar em basicamente duas maneiras

1 gap contra o movimento que o dia anterior fechou, ou seja, se fechamos o dia anterior em um alta e abre com tendência de baixa, sim podemos ter uma distorção na média

2 um gap extremamente grande não importando o lado


Tirando isso, muitas vezes a média não é distorcida, basta olha o ultimo candle do dia anterior e o primeiro candle do dia atual, em muitas vezes, muitas mesmo não há qualquer distorção e ela sim, pode ser considerada válida!

Outro ponto, e esse já vi diversas vezes, alguém comenta como eu vi essa semana as 10.37 "o preço tá revertendo na média de 20", ai um vivente fala "A média só passa a ser valida as 10.40", sério mesmo isso, essa pessoa acredita que as 10.40 vai acontecer um movimento brusco e a média vai se realinhar num em um angulo de 45 graus?
Pessoal, um pouco de bom senso, poucos minutos antes do horário, não vão fazer diferença na posição atual da média, ela vai se manter igual as 10.37 como as 10.40

Outra coisa que não faz sentido, é dizer que a média de 20 no  gráfico até as 10.40 não tem "utilidade", mas se usa essa mesma média no  volume, para validar se um candle teve ou não volume acima da média, para um entrada de VWap por ex, ela também deveria ser desconsiderada da mesma forma que a média plotada nos gráficos :(


Não quero criar polemica, mas nada é escrito na pedra e tenha que ser levado a ponto de faca, o que fazemos é uma analise discricionária e é assim que devemos proceder no dia a dia, analisando e refletindo cada evento/situação/dado que nos chega e com base no bom senso tomarmos nossas decisões!


Abraço a todos,


Marcio



 

Voltar ao topo